FILE 2010

Adivinha? Sim! Mais um evento. Dessa vez fui ao 11º FILE, festival internacional de linguagem eletrônica, que vai até o dia 7 de novembro no Oi Futuro do Flamengo e Ipanema/RJ.

O festival mostra obras de artistas que usam o mundo digital para suas performances artísticas. A abertura do evento contou com palestras e workshops. Eu assistir às palestras, que por sinal foram bem legais.

A primeira pessoa a se apresentar foi a arquiteta Raquel Kogan que falou sobre seu projeto, intitulado Reler. Ela, junto com um equipe de programadores, designers e outras pessoas convidadas, criou uma estante com 50 livros. Ao abrir um deles, você escuta trechos de obras literárias em som ambiente.

Quanto mais livros abertos mais trechos serão repetidos e as palavras começam a se misturar e ganhar uma melodia própria. Os livros são feitos de caixas de madeiras, com 4 baterias regarregáveis, um alto falante e LED. Dentro dele há um chip que leva até um programa de computador qual livro foi aberto para reproduzir o trecho correspondente.

Em seguida foi a vez de Leo Nuñez, que veio da Argentina para se apresentar no FILE 2010. Nuñez estudou engenharia em sistemas de informação, desenho e arte eletrônica. Hoje dá aula em universidades sobre eletrônica e multimídia. Ele mostrou alguns de seus trabalhos que fazem da mídia eletrônica uma ferramenta artística.

Um destes trabalhos, chamado Fluidos, usa o sistema de maping para dar a impressão que a projeção da imagem da pintura parecesse o curso de um rio entre as peças eletrônicas.

Sua peça exposta no Oi Futuro, é o Game of Life, que através de sensores faz com as luzes do painel respondam ao movimento dos visitantes. Tinha muita gente grande voltando a ser criança, balançando os braços para lá e para cá e rindo com a resposta que a peça dava.

O próximo foi Guto Nóbrega, doutor em filosofia pela Escola de Artes e Mídia da Universidade de Plymouth/UK e mestre em Comunicação e Tecnologia da Imagem pela Escola de Comunicação da UFRJ.

Nóbrega falou sobre Vilém Flusser, filósfo tcheco, que sugere o experimentalismo como ação emancipadora nos processos de intervenção com a máquina, “injetar expressões humanas no aparelho”.

Flusser usou a câmera fotográfica como modelo pois ele reconheceu a mesma como o mais simples de todos os aparelhos. De acordo com a palestra de Nóbrega, seriam caixas que brincam de pensar.

Ainda seguindo as palavras da apresentação de Nóbrega, para Flusser a principal função do fotógrafo é a de jogar contra o aparelho de forma a esgotar as virtualidades contidas em seu programa. Nóbrega trabalha com algumas das ideias de Flusser para validar a questão relacionada à tecnlogia, informação e arte. Para ele, interatividade não vem de funcionalidades eletrônicas em sim de ligações afetivas.

Em seu projeto Breathing (que também está na mostra do Oi Futuro), Nóbrega montou um aparelho, com um planta que responde à luz, movimentos e respiração.

Ele fecha dizendo, “A obra é, em si, este organismo que emerge do diálogo estabelecido pelo jogo de regras, que tem como base agora o artista/objeto de arte/observador”.

Para finalizar o ciclo de palestras, Jorge Crowe, artista argentino, falou sobre suas  oficinas,onde as crianças podem brincar de ser Gepeto, criando seus próprios brinquedos com peças avulsas. Ele comenta sobre o personagem Sid, do Toy Story 1, que troca partes do corpo dos brinquedos. Para Crowe, este menino poderia ser um hacker, por querer descobrir novas formas e tentar entender como funcionam as coisas.

Em suas oficinas, Crowe segue essa ideia de mostrar para as crianças novas possibilidades, remontando brinquedos e dando para elas funções até então desconhecidas.

Que estiver no Rio, não deixe de ir ao FILE. A entrada é gratuita.

Anúncios

Tags:, , , , , , , , , , , , , ,

About Bárbara Gaia

Vivo no fantástico mundo digital e da redação publicitária. https://about.me/bngaia

Comenta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: